Documentário sobre pirataria é disponibilizado na Internet

Extraído de :: Cinema Com Rapadura ::

O documentário sueco Steal This Film está sendo distribuído de graça na Internet, através do seu site oficial: www.stealthisfilm.com.

O vídeo mostra depoimentos dos donos do site de downloads de arquivos para BitTorrent – programa usado para fazer download de arquivos na Internet – PirateBay.

O site é superpopular devido ao número imenso de arquivos de música e de vídeo disponíveis para download gratuitos, cerca de 150 mil. O documentário também tem traços de humor e ironiza propaganda contra a pirataria.

Um segundo documentário sobre o tema já está sendo planejado.

Leo,,

Documentário sobre pirataria é disponibilizado na Internet

Entrevista no Canal Futura

Me chamaram pra dar uma entrevista, junto com a Marcinha, para o Canal Futura que está produzindo uma série de programas com assuntos ligados a internet, cibercultura, etc…

A ideia era falarmos do estudiolivre.org e das oficinas dos Pontos de Cultura.

Quando fiquei sabendo que ia ser num estúdio me veio um certo remorso de ter aceitado. Fiquei imaginando um cenário colorido e o Lucas Silva e Silva me entrevistando…

Mas beleza. Saí e recebi várias ligações da produtora querendo saber se eu estava chegando logo… Cheguei e Marcinha já estava lá. Estavam discutindo os termos do termo de autorização de imagem, onde autorizaríamos a Fundação Roberto Marinho a utilizar nossa imagem e do site estudiolivre para qualquer fim, em qualquer tempo, por ela ou por qualquer outra pessoa que ela autorizasse.

Bom.. de cara disse que não poderíamos assinar pelo estudiolivre, já que não eramos os “titulares” do site, como dizia a licença.

Depois fomos a de uso de nossa imagem, que tinha as mesmas cláusulas. Marcinha já estava argumentando há um tempão. Explicamos que isso era muito contraditório com o que fazíamos (deixar nossa imagem como propriedade da Fundação Roberto Marinho para fazer o que quiser… inclusive fazer DVDs, CDs, etc…) Queríamos autorizar apenas para a veiculação no canal Futura.

Ligaram pro Rio, mexeram em uma palavra. Não foi suficiente.

Fiquei balançado. Afinal sabemos que são formalidades, que leva tempo pra mudar isso, que a mudança não estava ao alcance das pessoas que estavam ali (produtores de TV… ai ai.. como não tenho saudade disso…).

Os caras já tinham feito 10 entrevistas naquele dia (e ainda era meio dia) sobre os mais variados temas… produção daquele jeito… coisas de TV…

Por fim cancelamos a entrevista. Talvez se tivesse sozinho tivesse feito.

Não sei se foi bom ou ruim.. saí com uma sensação estranha…

Acho que é aí é colocar na balança. Queremos essa exposição? Vale a pena abrir mão de algumas coisas (até pq, na prática, muito dificilmente fariam qq coisa com nossa imagem) para conquistar novos espaços? Ou o estranhamento causado na equipe acostumada a ter pessoas implorando por exposição na TV valeu mais a pena…?

Sei não…

Leo,,

Entrevista no Canal Futura